Buscar
  • adrianagonbueno

Fim da licença maternidade


Depois de nove meses carregando o bebê na barriga e, pelo menos, os primeiros quatro meses de convivência intensa entre mãe e filho, o momento de voltar ao trabalho gera muita angústia e insegurança nas mães. Afinal, é a primeira sensação de separação do bebê, que vem acompanhada de incertezas, medos, vazio, inquietação e do sentimento de culpa.


Para que esse momento que, para muitas mães, é inevitável, seja um pouco mais tranquilo, aqui vão algumas dicas:


Comece um período de adaptação, deixando o bebê por determinados períodos com quem vai assumir o cuidado dele, seja uma babá, os avós, a creche... Isso vai ajudá-lo a ir se acostumando e fazer com que o bebê entenda que a mãe vai, mas volta, ficando mais tranquilo na ausência dela.

Estimule a independência do bebê e delegue algumas funções para que ele não aceite só você para dar banho ou fazê-lo dormir, por exemplo.

Foque nos benefícios da sua volta ao trabalho. Retomar a vida profissional é importante para muitas mulheres: reforça o autocuidado, a conexão com o mundo além da maternidade. Se trabalhar te faz bem, com certeza isso vai influenciar na relação com o seu filho. O principal não é a quantidade de horas que você passa com as crianças, mas que esse tempo seja de qualidade!

Conte com a sua rede de apoio e com um apoio psicológico!


Dra. Adriana Gonzalez Bueno

CRM 176603 RQE 79903

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo