Buscar
  • adrianagonbueno

Memória Transgeracional Do Parto


🌻 Você sabia que a genética não é a única coisa que podemos herdar de nossos antepassados?


Algumas emoções também podem ser transmitidas de geração em geração e o nome desse processo é transgeracionalidade. Essas emoções se gravam em nossas células, em nosso subconsciente corporal e no nosso psicológico em forma de crença e fragilidades.


E como isso pode influenciar durante a gestação e no momento do parto?🤰🏻


Durante o período gestacional e a primeira infância, a conexão entre mãe e filho acontece como uma esponja, produzindo o fenômeno que chamamos de incorporação emocional. Sentimentos, momentos marcantes e frustrações maternas moldam o comportamento do feto ou recém-nascido.


➡️ Por exemplo, uma mãe que projetou negação durante o período de gravidez pode gerar um sentimento de abandono e solidão em sua filha mesmo na fase adulta. Como filha, esta situação influencia na sua própria experiência gestacional. Pois é comum a gestante apresentar comportamentos e crenças similares aos de sua mãe durante este período.


Além disso, muitas gestantes acabam absorvendo crenças, costumes e frustrações que não fazem parte do seu maternar, e sim das outras gerações de mães da sua família. ⚠️ E isso pode acabar fazendo com que elas tomem decisões baseadas nisso e não no que, de fato, elas acreditam ser o melhor, principalmente em relação à escolha de parto.



Dra. Adriana Gonzalez Bueno

CRM 176603 | RQE 79903

11 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo