Buscar
  • adrianagonbueno

Quem cuida, se cuida!


Ter filhos, por si só, não é uma tarefa fácil. 😬 É uma jornada de autodescoberta e transformação, que pode também causar muito estresse em quem a enfrenta. E não é incomum a sua saúde mental afetar seus filhos.


Não deixar suas emoções negativas transparecer em momentos com os filhos é bastante compreensível, afinal, somos modelos para eles, certo? Como podemos deixar à mostra que não somos os heróis que eles imaginaram em suas cabecinhas?


➡️ As crianças são espertas e estão atentas a tudo ao seu redor. Podem não ter a maturidade para compreender o que acontece, mas sabem se algo bom ou ruim está acontecendo.


Por exemplo, se a criança aprende pelo método de cópia e repetição, o modo como seus pais lidam com as emoções, sejam elas positivas ou negativas, terá uma enorme influência no jeito que ela vai lidar com essas mesmas emoções, tanto durante a infância como mais para frente, em sua fase adulta.


🤍 Para que os filhos tenham uma boa saúde mental e um desenvolvimento crescente, é preciso que os pais primeiramente olhem para si e entendam como está sua própria saúde mental. Só podemos socorrer nossas crianças se fizermos o mesmo primeiro por nós.


A consciência de nossos sentimentos e atitudes é importante para estimular nossos filhos a serem melhores com eles mesmos, buscando e cultivando o amor próprio. Com isso, nos aproximamos deles e o elo se fortalece. O apoio emocional é firme e positivo, e as crianças têm as condições ideais para lidar com os aspectos da vida da melhor forma possível.


Dra. Adriana Gonzalez Bueno

CRM 176603 | RQE 79903

4 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo